Peste Negra – Resumo

Peste NegraA peste negra foi uma pandemia de peste bubónica que ocorreu na Europa em meados do séc. XIV. Não se sabe ao certo quantas pessoas terão morrido devido à peste negra, porém calcula-se que terão morrido pelo menos 25 milhões de pessoas, ainda que o número de mortes poderá ter ascendido aos 75 milhões ou até mais.

Na origem da doença está o bactéria Yersinia pestis, transmitida por meio de ratos e de pulgas. A peste bubónica entrou em força na Europa em 1347, tendo sua origem no continente asiático. Até cerca de 1352, esta pandemia matou milhões de pessoas, ao ponto de não existir espaço suficiente nos cemitérios e nem caixões disponíveis para tanta gente. Muitos foram enterrados em valas comuns.

Em Portugal, a peste negra chegou no Outono de 1348, tendo morrido entre um terço e metade da população portuguesa, levando o país a uma situação verdadeiramente caótica.

A doença era caracterizada por causar “bolhas” em diversas partes do corpo da pessoa infetada, bem como manchas de cor negra. Os doentes também apresentavam febre alta e vómitos, e em grande parte dos casos acabavam por morrer poucos dias depois dos primeiros sintomas.

Depois de ter terminado o período da peste negra, a epidemia voltou a surgir por várias vezes e em diversos locais, ao longo dos séculos seguintes.

Peste Negra - Mapa

Mapa da disseminação da peste negra. Crédito: Wikipédia.

Share Button
Bookmark the permalink.

Comments are closed.