D. Afonso Henriques – Primeiro Rei de Portugal

D. Afonso Henriques - Primeiro Rei de PortugalD. Afonso Henriques (também conhecido por Afonso I de Portugal) foi o fundador e o primeiro rei de Portugal. Durante sua vida conquistou muitos territórios que acabariam por estar na fundação do Reino de Portugal. Daí, D. Afonso Henriques recebeu o cognome de “O Conquistador“.

Afonso Henriques nasceu por volta do ano de 1109, porém não existe a certeza do ano exacto. Existe quem defenda que o ano de nascimento foi 1111, entre outras possibilidades. Também não se conhece ao certo o seu local de nascimento. Basicamente existem 3 possibilidades sugeridos por diversos estudiosos: Guimarães, Coimbra ou Viseu.

Seus pais foram D. Henrique de Borgonha e D. Teresa de Leão, condes do então Condado Portucalense, condado vassalo do reino de Leão. O Condado Portucalense abrangia aquilo que é hoje o norte de Portugal.

Desde cedo, o jovem Afonso Henriques tomou posições políticas que se oponham às da sua mãe, D. Teresa de Leão. Essa oposição política iria culminar na famosa batalha de São Mamede, onde por um lado as tropas de Afonso Henriques defrontaram as tropas de D. Teresa (sua mãe) e as tropas de Fernão Peres de Trava (nobre galego, amante de D. Teresa). A batalha de São Mamede teve lugar em 1128 e acabou por resultar na vitória de Afonso Henriques.

Afonso Henriques assumiu assim o governo do condado, tendo como alvo a independência. Porém, Afonso Henriques tinha ainda que lidar com seus adversários, nomeadamente Leão e Castela por um lado, e os mouros por outro.

Em 1139 deu-se a célebre batalha de Ourique, no Alentejo, onde as tropas de Afonso Henriques venceram um contingente mouro mais numeroso. Essa vitória acabaria por fazer Afonso Henriques proclamar-se como rei de Portugal.

No dia 5 de Outubro de 1143 foi celebrado o Tratado de Zamora, que consistia num tratado de paz em que o rei D. Afonso VII de Leão e Castela reconhecia a independência do reino de Portugal. Apesar disso D. Afonso Henriques continuava a ser vassalo, pois D. Afonso VII além de ser rei de Leão e Castela considerava-se imperador da Hispânia.

Entretanto D. Afonso Henriques ia conquistando territórios então ocupados pelos mouros. Por exemplo, Lisboa foi conquistada aos mouros em 1147. Assim o território governado pelo primeiro rei de Portugal foi crescendo, chegando até ao Alentejo.

Mais tarde D. Afonso Henriques acabaria mesmo por conquistar algumas praças pertencentes ao reino de Leão.

Em 1169 D. Afonso Henriques cercou Badajoz, porém tal empreendimento não foi bem sucedido. Quando D. Afonso Henriques abandonava Badajoz, sofreu um acidente tendo fraturado o fémur direito. Assim D. Afonso Henriques foi feito prisioneiro, mas acabou por ser bem tratado por Fernando II de Leão, dado que este era casado com uma filha do rei português, Urraca Afonso.

A partir desse incidente em Badajoz, D. Afonso Henriques praticamente abandonou suas funções militares, tendo-se dedicado à administração dos territórios do reino.

Em 1179, Portugal foi reconhecido oficialmente como independente pelo Papa Alexandre III, ainda que vassalo da Igreja.

Nos últimos anos de vida, D. Afonso Henriques transferiu muitos dos seus poderes ao seu filho D. Sancho I, que acabaria por se tornar no segundo rei de Portugal depois da morte de seu pai.

D. Afonso Henriques, o primeiro rei de Portugal, morreu no ano de 1185.

Share Button
D. Afonso Henriques – Primeiro Rei de Portugal
Classifique este post
Bookmark the permalink.

Comments are closed.